Nós sempre trazemos aqui temas relacionados à moda consciente e sustentável, mas acreditamos que seja importante pontuar o que significa cada termo que citamos. Então apresentamos aqui um ‘dicionário da moda consciente’ com o significado de cada expressão.
Moda consciente – é refletir sobre o consumo, vai contra as ideias do consumismo, se você pratica a moda consciente você compra aquilo que precisa, aproveita bem o que você já tem, busca conhecer os processos de fabricação e investe em alternativas de consumo (compra de segunda mão, trocas, etc)
Moda sustentável – está relacionada diretamente à sustentabilidade. Marcas que praticam moda sustentável não geram impactos negativos ao meio ambiente e nem às pessoas envolvidas nos processos de produção.
Slow fashion – é o contrário de fast fashion, basta fazer uma analogia ao fast food e slow food. Consumir de uma maneira mais consciente, pensando na qualidade das peças, na durabilidade, investindo em peças atemporais também ou que você consiga usar por muito tempo, pois têm a ver com o seu estilo.
Garimpo – é olhar um monte de peças e buscar aquelas que têm a ver com você, usamos esse termo principalmente em bazares e brechós.
Desapego – é tirar do seu guarda-roupa peças que você não usa mais.
Bazar – lugar de vendas de roupas usadas que normalmente acontece em instituições, igrejas, entidades, normalmente não há uma curadoria nem critérios de seleção, e os preços são muito baratos.
Brechó – funciona como uma loja física, as peças são separadas normalmente por tamanho ou por tipos de peças, mas também são roupas usadas e geralmente são mais baratas que peças novas de lojas convencionais.
Para mais dicas de moda consciente e sustentável, inscreva-se no canal Desavesso no YouTube!
Autor

Jornalista apaixonada por moda e youtuber nas horas vagas.

Deixe o Seu Comentário