Archive

novembro 2016

Browsing

Uma das maneiras de praticar a moda consciente é comprar roupas em bazares e brechós, que são dois lugares que vendem roupas usadas. Apesar de algumas pessoas pensarem que os dois são a mesma coisa, eles têm diferenças. Vamos explicar o que significa cada um.

Vamos começar pelo bazar, que é um local de venda de roupas usadas. Normalmente, são locais mais bagunçados, cheios de peças amontoadas mesmo, porque não tem seleção nenhuma. As peças não são separadas por cor, nem por tamanho. Dá para achar roupas incríveis e super autênticas, mas para isso precisa ir com tempo e paciência para garimpar.

O bazar pode ser em um espaço fixo em ponto comercial ou também pode ser feito em casas, garagens, igrejas e associações. Normalmente, em bazares, as peças são muito baratas, a partir de R$ 1 ou R$ 5.

Já os brechós são mais organizados, funcionam como lojas fixas mesmo. Os donos de brechó têm um cuidado para selecionar as melhores peças, que passam por uma curadoria e até parecem novas, por isso são mais caras que roupas de bazar, mas ainda assim são peças mais baratas que de lojas convencionais.

Se você nunca comprou em bazar e em brechó, experimente! As roupas desses lugares são super especiais e diferentes! Mas a dica é: vá com tempo e tenha paciência para procurar, para garimpar mesmo, mas vale muito a pena, você compra peças baratas, super originais e renova o guarda-roupa gastando pouco.

Inscreva-se no canal Lado Avesso no Youtube!